Guia de Conversação para Turistas na Turquia

Inscreva-se já e receba nosso conteúdo -

quinta-feira, 13 de abril de 2017

Quando a roupa do outro me serve - (ASSUNTO DA LIVE QUE NÃO PÔDE SER TRANSMITIDA)

Olá pessoal,

Tentei por diversas vezes fazer transmissão ao vivo no Facebook em nosso grupo da Turquia Ponto Com (sim, agora temos um grupo!) mas não rolou. Soube de muita gente se queixando da última atualização do face...assim creio que temos que buscar alternativas às LIVES do face ...

Deixo aqui o twitter da Esmirna Aulas de Turco: @esmirnaturco. 

Vamos lá!


Quando a roupa do outro me serve





Notamos - eu e meu marido - que muitas pessoas que entram em contato conosco, num primeiro momento dizem que querem aprender turco mas depois de um tempo questionam sobre certos aspectos da cultura turca, do relacionamento com o turco. Na verdade essa era uma realidade antes de colocarmos o informativo nos posicionando como empresa e assim, imparciais as questões da vida íntima dos alunos. Lógico que, sem deixarmos de ser humanos (alunos adoecem, alunos passam por problemas) decidimos adotar essa postura para evitar mil problemas, como por exemplo: 1 - aula é aula e não sessão de desabafo e 2- aula é aula e não consultoria, mesmo que amorosa.

O que levava essas pessoas a nos consultarem para saber se o "meu turco era assim também" nos quesitos:

- ciúme,
- controlador;
- ausente;
- presente demais;
- teimoso, turrão;
- explosivo;
- mentiroso;
- galinha (sim, teve quem me perguntasse isso !)

Entre outros.

Digamos que o Mustafa é tudo isso listado aí em cima, em que isso muda na ordem cósmica do relacionamento alheio? Mas ... ah! Eis a questão! A pessoa que indaga isso está em busca de uma resposta dando pistas de que (sim) já está vivenciando isso. Se ela estivesse segura com um namorado turco tranquilo, que não controla etc. a troco de quê que se daria o trabalho de achar nosso contato e nos trazer essa pergunta?

Pessoas buscam uma resposta que justifiquem a situação em que estão. E, se entendermos "situação" como "roupa", é como se buscassem uma roupa alheia que lhes sirva. Daí ouvimos clássicos como "ah, mas o marido da fulana também é assim, então é normal!" - o perigo é quanto esse "é assim" implica em coisas sérias como mentir, bater na mulher, beber, trair ... 




Muitas das que buscam um relacionamento com um turco - seja numa viagem ou pela internet mesmo! - alimentam o esteriótipo do turco pai-de-família-provedor-que-nunca-deixa-faltar-nada-e-fiel. Ok, a imensa maioria foi criada com esse propósito, mas diferente da cultura brasileira onde o "homem pegador" é incentivado, o homem turco que pule a cerca não vai sair contando isso aos quatro ventos: quantos não são os que estão na surdina, na internet, por trás de perfis fakes e iludindo muitas brasileiras? Tem homem sério querendo casamento, tem sim senhora. Mas, e como saber?

E daí, quando a relação não é tão cor-de-rosa como o que se mostrava no começo, e a moça/senhora brasileira cai num poço de angústia elas buscam uma roupa (situação) que lhes sirva de alento para justificar a insistência naquela relação que certamente (creem elas) irá melhorar ...

Daí temos canais para os diversos tipos de "roupas": as que amam turcos, as que odeiam turcos ... Longe de avaliarem se a culpada de uma história virtual não ter dado certo é ela própria, buscam uma "roupa" que justifique que a culpa é somente do outro.


"- Ele me enganou. Eu mandei dinheiro pra ele e ele me bloqueou, já estava teclando com outras!" 

Você acha mesmo que o turco, lá do outro lado, com tantos parentes e amigos teria que recorrer a uma carteira à 12.000 km de distância?


Qual roupa você quer vestir?

Essa é a pergunta que você deve se fazer se você está sofrendo. Essa roupa (situação) me serve? Cai bem em mim? Me sinto bem com ela????

Não é só porque fulana, sicrana ou lucutana estão passado por essa situação que você deve querer o mesmo para si. Bem, cada um sabe de seus limites, cada um é responsável pelas escolhas. Mas simplesmente aceitar um homem bruto - por exemplo - só porque "ah eles são assim mesmo" não é a melhor escolha.

Busque sempre a melhor roupa (situação): aquela que te deixa feliz, que ter permita você ser quem é, que não te sufoca e que te faz vislumbrar de fato um futuro positivo.





Um beijo da Luci! (em breve estaremos de volta com as transmissões!)




Esmirna Aulas de Turco Online -- www.esmirnaaulasdeturco.com.br

Tradução de Mensagens Turco - Português - www.esmirnaaulasdeturco.com (clique em tradução)

Guia de Conversação Namoro Virtual Turco - Português - por R$ 47,90
clique aqui para saber mais.

Em 2018, um site para brasileiros e turcos

Em 2018, um site para brasileiros e turcos
Namoro, amizade, casamento ou passatempo: somente o destino pode dizer.